WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Esportes’

Lançado em Salvador, Relatório Anual da Discriminação Racial no Futebol aponta 93 casos em 2018

Durante o mês de novembro, o Bahia promoveu ações de combate ao racismo e promoção da identidade e cultura negra. Nesta segunda-feira, na Arena Fonte Nova, o Tricolor se posicionou mais uma vez contra a segregação e promoveu o lançamento do Relatório Anual da Discriminação Racial no Futebol.

Diretor executivo do Observatório da Discriminação Racial, que desde 2014 organiza o documento, Marcelo Carvalho afirmou que, em análise prévia, foram registrados 93 casos de discriminação em eventos esportivos no Brasil durante o ano de 2018.

No primeiro ano do Relatório, em 2014, foram 20 registros. O número aumentou em 2015: 35. Houve uma queda em 2016, com 25 casos. Mas o que parecia um avanço não se repetiu. Em 2017 foram 77 casos – entre eles, aquele que envolveu o volante Renê Júnior, na época vestindo a camisa do Bahia, e o atacante Tréllez, que defendia o Vitória.

– Em 2018, uma análise prévia que a gente fez, a gente tem 93 casos de preconceito. Isso, a gente não dividiu ainda o que é racismo, o que é machismo, o que é LGBTfobia, mas 93 subiu em relação ao ano anterior, que são 77. Em 2017, foram 77 casos de preconceito, 43 de racismo no futebol. Então a gente percebeu que tem aumentado. E aí esse aumento eu acho muito em cima da repercussão que está tendo das denúncias, e aí outros atletas estão se sentindo mais encorajados a denunciar. Acho que o número de casos vem aumentando. Pelo aumento que o Brasil vive, o mundo vive de intolerância, vem aumentando o número de casos. Mas também as denúncias estão partindo do encorajamento que os atletas estão tendo. A gente tem o caso do João Marcelo [ex-jogador do Bahia], que sofreu racismo no shopping e ele mesmo vai denunciar esse caso. Antigamente, a gente não tinha isso. A gente tem atletas que diziam que: “Se eu for parar um jogo de futebol toda vez que eu for chamado de macaco, não vai ter jogo”. Isso antes. Agora, não. Agora o jogador está entendendo que o que acontece no campo não tem que morrer no campo, se for discriminação, preconceito, violência. E isso é muito interessante, essa movimentação que está acontecendo dos atletas e dos clubes, nessa luta contra a discriminação.

globoesporte.globo.com

Juazeirense traz Douglas Pires, ex-goleiro do Bahia

Contratado pela Juazeirense para a temporada 2019 após ficar um ano de molho depois de deixar o Esporte Clube Bahia em 2017, o goleiro Douglas Pires é aguardado na cidade de Juazeiro para realizar os tradicionais exames médicos e assinar contrato, de acordo com o canal de notícias JuazeirenseNet. O arqueiro de 27 anos vai reforçar o Cancão de Fogo nas disputas da Copa do Brasil, Campeonato Baiano e a seletiva para a Copa do Nordeste.

Revelado nas divisões de base do Cruzeiro, Douglas Pires acumula passagens por Benfica (Portugal), Monte Azul, Tupi, Nacional de Patos-MG. Chegou ao Bahia em 2013 e ficou até 2017, mas só foi titular em uma temporada (2015, quando atuou em 48 jogos). Nesse intervalo, foi emprestado ao Fortaleza em 2016, porém, não teve oportunidade e só entrou em campo uma única vez.

A Juazeirense está por detalhes para anunciar mais uma contratação para a temporada 2019 e um velho conhecido do torcedor. Trata-se do atacante Nino Guerreiro, de 35 anos, e que já passou pelo Cancão de Fogo em 2016, marcando seis gols em 20 jogos.

Natural de Juazeiro, o jogador estava defendendo o Sergipe e marcou 5 gols em 16 jogos na temporada 2018. Além disso, ainda acumula passagens por clubes como CRB, Mesquista-RJ, Confiança-SE, Cuiabá, Remo, Crac-GO e Anapolina-GO. Na próxima temporada, a Juazeirense estreia em 2019 contra o Atlético de Alagoinhas, 20 de janeiro, um domingo, às 16h, no Estádio Adauto Moraes, em Juazeiro, pela primeira rodada do Campeonato Baiano.

www.trbn.com.br

Gabriel medina é bicampeão mundial de surfe

Quatro anos após se tornar o primeiro brasileiro campeão mundial de surfe profissional, o atleta paulista Gabriel Medina, 24, sagrou-se, hoje (17), bicampeão da World Surf League (WSL), a liga mundial.

Medina conquistou o título de 2018 antes mesmo de vencer o Billabong Pipe Master, etapa havaiana do circuito mundial. Ainda durante a semifinal, o paulista, natural de São Sebastião, superou o sul-africano Jordy Smith por 16.27 contra 15.83 pontos. Com isso, ele conquistou não só uma vaga na final, como eliminou antecipadamente as chances do australiano Julian Wilson, segundo lugar no ranking, de ultrapassá-lo.

Na bateria seguinte, Wilson eliminou o onze vezes campeão mundial Kelly Slater por 14.20 contra 11.17 pontos, garantindo a segunda vaga da bateria final. O último confronto do dia, no entanto, foi vencido por Medina, por 18.34 contra 16.70 pontos.

A vitória no Pipe Master foi a terceira de Medina este ano. O agora bicampeão já tinha vencido o Tahiti Pro, disputado na perigosa onda de Teahupo’o, e o Surf Ranch Pro, na piscina de ondas artificiais que Kelly Slater e sócios construíram na Califórnia (EUA).

Natural da praia de Maresias, no litoral paulista, Medina venceu seu primeiro título mundial em 19 de dezembro de 2014, também no Havaí. Hoje (17), ao deixar a água após vencer Smith ainda durante a semifinal, Medina foi cercado pela torcida, amigos e parentes que acompanhavam a bateria da areia. O brasileiro disse que 2018 foi um ano intenso, durante o qual teve que trabalhar muito. “Estou muito feliz. Não tenho palavras”, disse Medina momentos antes de vencer Wilson e ficar também com a taça de campeão do Pipe Masters.

Outro brasileiro que sai consagrado do Havaí é o guarujaense Jessé Mendes, 25. Com a derrota de Jordy Smith, Mendes é o campeão da tradicional Tríplice Coroa Havaiana – trinca de campeonatos que ocorrem na temporada de ondas no Havaí durante o mês de dezembro. Em entrevista à WSL, Mendes declarou ser difícil de acreditar que conquistou o prestigiado título, disputando contra os melhores atletas do mundo.

No total, os surfistas brasileiros ganharam nove das 11 etapas deste ano, impondo a hegemonia verde-amarelo na categoria profissional masculino. Além das três vitórias de Medina, o potiguar Ítalo Ferreira, 24, venceu três etapas (Austrália, Portugal e Keramas, na Indonésia); o paulista de São Sebastião, Filipe Toledo, 23, ganhou duas (Brasil e África do Sul), e o catarinense Willian Cardoso, 32, a de Uluwatu, também na Indonésia. As únicas duas etapas não vencidas por brasileiros este ano foram conquistas por Julian Wilson, que, assim, termina o ano na segunda posição no ranking que tem Filipe Toledo na terceira posição e Ítalo Ferreira no quarto lugar.

Informações da Agência Brasil / Fábio Massali

Foto: Fernando Frazão

www.otabuleiro.com.br

Com “camisa como exigência”, Gilberto indica acordo com o Bahia e anima tricolores

O centroavante Gilberto voltou a fazer mistério sobre a renovação de contrato com o Bahia. Em vídeo publicado em rede social na tarde deste domingo, o centroavante conversa com a esposa e diz que fez “uma exigência aos caras”. Segundo o atacante, ele pediu uma “camisa com valor atrativo para a torcida tricolor” e que se der certo vai ficar feliz em retornar. Na legenda do vídeo, Gilberto afirma que “a sua parte está feita”.

– Fiz uma exigência aos caras. Pedi para fazer uma camisa com valor atrativo para torcida tricolor, menos de R$ 100. Está nas mãos dos caras, vamos ver no que vai dar, estou felizão. Se der certo, vou ficar feliz em retornar e dar muitas alegrias ao nosso torcedor – diz Gilberto na postagem.

Com a renovação de Gilberto, o Bahia também deve anunciar a camisa com valor mais atrativo para os torcedores. A postagem animou os torcedores tricolores, que comemoraram o possível acerto do jogador com o clube.

globoesporte.globo.com

Barca do Bahia: Allione tem maior taxa de rejeição no elenco 2018; confira a lista

O meia Allione foi contratado no início da temporada 2018 como o “garçom” do Bahia. Contudo, as assistências e boas atuações de 2017 não se repetiram. Emprestado pelo Palmeiras, o jogador amargou o banco de reservas durante o ano e lidera a “barca tricolor” em enquete promovida pelo GloboEsporte.com.

Allione recebeu 2011 votos, seguido por Edson, com 1903. Assim como o argentino, o volante teve o contrato renovado após fazer uma boa temporada em 2017, mas não manteve o desempenho e acabou na reserva. Na terceira posição dos mais votados está o zagueiro Douglas Grolli, que atuou como titular na última partida do ano.

TOP-10: BARCA DO BAHIA

OS MENOS VOTADOS

globoesporte.globo.com

Ramires se mostra lisonjeado com interesse do Corinthians, mas diz: “Não chegou nada para mim”

Grande destaque do Bahia na reta final do Campeonato Brasileiro, Ramires tem despertado a atenção de vários clubes do exterior e do Brasil, e um deles é o Corinthians, que abriu negociação para contar com o jogador. Na tarde desta terça-feira, em entrevista coletiva, o meia se mostrou lisonjeado com o interesse do time paulista, mas afirmou que, até o momento, nada chegou até ele.

– Eu vi a reportagem. Fiquei bastante feliz, saber que seu trabalho está sendo visto por grandes clubes brasileiros. Mas estou tranquilo aqui no Esquadrão. Na próxima temporada, vamos almejar coisas grandes. Não chegou nada para mim, mas, se chegar, vou sentar com a diretoria, com Ueslei [empresário] e ver o que é melhor para mim e para o Bahia – afirmou.

A diretoria tricolor afirma que houve um “bate-papo” entre os presidentes dos clubes, Andrés Sanchez e Guilherme Bellintani.

A coletiva com Ramires foi marcada para que ele falasse sobre a convocação para a Seleção Sub-20. A partir de janeiro, ele vai disputar o Sul-Americano da categoria, que será realizado no Chile.

O meia, que tem apenas 18 anos, também falou sobre o interesse de clubes europeus. Ao longo da temporada, ele foi observado por representantes de Arsenal, Borrusia Dortmund Atlético de Madri.

– Muito bom ter meu trabalho sendo visto por clubes europeus, pelo técnico da seleção Amadeu e continuar trabalhando para almejar coisas grandes – disse.

globoesporte.globo.com

Baianão serie B já tem equipes inscritas, até o momento o Colo-Colo é dúvida

A Série B do Campeonato Baiano de 2019 começa a tomar formas, mesmo sem a confirmação das datas pela Federação Baiana de Futebol. São esperados ao menos oito clubes na competição que tem início geralmente no mês de março e logo após o termino da disputa da primeira divisão.

Até o momento o tigre ilheense, Campeão Baiano de 2006, não tem sua participação confirmada na edição de 2019 da competição estadual. A falta de controle no comando e as intensas situações e crises na política interna do Colo Colo deixaram as relações estremecidas. Somado à isso tem também as dividas que beiram a casa dos milhões e a falta de planejamento e estrutura básica que deixam a situação do clube extremamente complicada para participar da Serie B em 2019. Rebaixado em 2017, o time ilheense conseguiu fazer uma campanha digna, mas não conseguiu o retorno para a elite em 2018 e agora pode amargar um tempo longo na segunda divisão.

A situação do Tigre ainda é agravada pelo estado do gramado do Estádio Mario Pessoa que não teve suas obras terminadas dentro dos prazos esperados. Em relação à colocação do novo gramado, por meio de recursos oriundos de emenda parlamentar, o prefeito Mário Alexandre (PSD) recebeu em seu gabinete, no Centro Administrativo, no último dia 20 de novembro, membros da nova diretoria do Colo Colo de Futebol e Regatas, e, na oportunidade, assegurou a participação do Tigre na competição, e disse que daria providências para os serviços de manutenção nas dependências do estádio, mas até agora o estádio continua sem condições de receber partidas do evento esportivo.

Em entrevista ao Bahia Noticias, o diretor da torcida organizada Mancha Azul, do Colo-Colo, Renailton Miranda disse que a situação pode atrapalhar a participação do time na Série B do Baiano de 2019: “Aqui estamos todos muito preocupados, pois o Colo-Colo pode ficar fora da competição por esse motivo. Além de poder prejudicar um clube campeão baiano, [a obra inacabada] prejudicou a seleção de Ilhéus que ficou de fora do Intermunicipal e também do Campeonato Amador da cidade”.

A tendência é que o atual presidente do clube, Marcio do IBGE, envie um ofício à Federação Bahiana de Futebol explicando que não haverá condições de o time disputar o Campeonato.

Até o momento oito clubes já estão confirmados, dentre eles o Grapiúna que conta com a participação do empresário Weliton Nascimento que esteve no Colo Colo em 2018, mas acabou saindo por divergências com a direção do clube. Olímpia (Lauro de Freitas), Feirense (Feira de Santana), Galícia (Salvador), Unirb (Mata de São João), Canaã (Irecê), Portela (Teixeira de Freitas) e Cajazeiras (Salvador) são os outros times já confirmados, ainda há a expectativa pelo Flamengo de Guanambi que ainda não confirmou se disputará a competição.

www.ilheus24h.com.br

Canoístas de Itacaré conquistam 13 medalhas no Sul-americano da Argentina

A delegação de Itacaré foi mais uma vez destaque no Campeonato Sul-Americano de Canoagem Velocidade, realizado neste final de semana na cidade de Enseada, Província de Buenos Aires, conquistando 13 medalhas na competição. A equipe que representou Itacaré na Argentina foi formada pelos atletas Luíza Lima, Evily Santos, Diego Araújo, Tânia Santos e Jack Goodman, sob a orientação do treinador Luiz Quadros.

No quadro de medalhas, o atleta Diego Araújo levou duas de ouro e uma de prata. Jack Goodman também conquistou duas medalhas de ouro e uma de prata. Evily Santos ficou com uma de ouro e outra de prata, Luiza Lima levou o bronze em sua categoria e Tânia Santos ficou com 5 medalhas de prata. Para os atletas, o evento foi mais uma oportunidade de participar de um evento onde estiveram presentes canoístas de diversos países, num momento de aprendizagem e confraternização, além de representar bem a cidade de Itacaré numa competição internacional.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, parabenizou os atletas pelo desempenho e por representar a cidade em Buenos Aires e disse que a expectativa é que nos próximos anos a delegação seja ainda maior, já que a cada dia vem sendo revelados novos talentos na canoagem. Ele também parabenizou o trabalho que vem sendo desenvolvido pela Associação de Canoagem de Itacaré e destacou o crescimento do nível dos atletas itacareenses.

Itacaré tem sido destaque nas mais diversas provas de canoagem em que participa. Em setembro desse ano a delegação da Associação de Canoagem de Itacaré mostrou mais uma vez o favoritismo conquistando o tetra-campeonato brasileiro por equipe, com o maior número de medalhas, no Campeonato Brasileiro de Canoagem Velocidade e Paracanoagem 2018, realizado em Curitiba, Paraná. E o trabalho de treinamento não parou. No novo Centro de Canoagem de Itacaré os atletas treinam muito em busca de resultados cada vez melhores.

www.otabuleiro.com.br

Seis atletas da Canoagem de Ubaitaba disputam medalhas na Argentina

Seis atletas de Ubaitaba e uma treinadora integram a equipe brasileira que segue nesta terça-feira, dia 4, para a Argentina onde disputará medalhas no Campeonato Sul-Americano de Canoagem Velocidade na cidade de Ensenada, província de Buenos Aires, entre os dias 7 e 10 de dezembro. A Cidade das Canoas terá o maior número de atletas da delegação nesta competição.

Seguem para a competição, com o apoio da Prefeitura de Ubaitaba, os atletas Beatriz Santos Ataíde, Tatilane Almeida Silva, Jonata Coutinho dos Santos, Felipe Vinicius Santana e Helton Santos da Silva. Com eles segue a treinadora Luciana Costa, que também é coordenadora do projeto Remando no Rio de Contas da Associação Cacaueira de Canoagem. Em Ensenada (ARG) serão disputadas provas nas categorias: Menor, Cadete, Junior e Sub-23.

ipolitica.blog

Bahia empata sem gols com Cruzeiro no último jogo do ano

No último jogo do ano, Bahia e Cruzeiro fizeram um jogo sem grandes emoções e empataram sem gols a partida realizada no estádio Pituaçu. O duelo marcou o encerramento da 38ª rodada da Série A da competição. O meia Zé Rafael foi alvo de homenagens por parte dos torcedores e do clube na partida que marcou a despedida do atleta do time baiano.

No ano que vem, o jogador vai defender o Palmeiras. Com o empate, o Bahia encerrou a Série A com 48 pontos e na 11ª posição.

www.trbn.com.br



WebtivaHosting . webtiva.com.br . Webdesign da Bahia