Após o frequente ataque a carros-fortes na capital baiana, a polícia passará a ter acesso aos roteiros dos veículos. A decisão foi acertada durante reunião entre a cúpula da Secretaria da Segurança Pública (SSP) e representantes de empresas de transporte de valores que atuam no estado, na manhã desta quarta-feira (3). Reivindicação antiga das forças de segurança, a disponibilização das rotas, do perfil e quantidade de valores transportados, entre outras informações, são consideradas, segundo a SSP, fatores importantes para ajudar no estabelecimento de ações preventivas e repressivas no combate a quadrilhas especializadas em roubo de valores. O uso da tecnologia também foi destacado como forma de prevenção. As imagens das bases de onde partem os carros de transporte de valores passarão a ser compartilhadas com a Secretaria da Segurança Pública. Na tarde desta terça-feira (2), por exemplo, pelo menos seis homens armados invadiram a área externa de um supermercado, na Vasco da Gama, a fim de assaltar um carro-forte. No início de setembro, outro caso semelhante foi registrado. Neste, um segurança acabou baleado durante assalto em Amaralina. bahia.ba
Compartilhe!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.